A importância da poesia para a vida espiritual

Imortalidade

Sinto em meus braços Sua Graça sem fim;

Dentro do meu coração, a Verdade da vida reluz alva.

As altitudes secretas de Deus minha alma agora escala;

Não há dor, nem aflições sombrias, ou morte a minha vista.

 

Nenhum dia ou noite mortal abala a minha serenidade;

Uma Luz acima sustenta minha alma secreta.

Dúvidas angustiantes banidas das minhas profundezas,

Meus olhos de luz percebem minha Meta visada.

 

Mesmo no mundo, estou além das suas aflições;

Navego num oceano de suprema libertação.

Minha mente, um cerne de Pensamentos ilimitados do Uno;

Estrela-vasto, o firmamento abraça a paz do meu Espírito.

 

Meus dias eternos se vêem num tempo que acelera;

É a Sua Flauta de rapsódia que eu toco.

Feitos impossíveis não mais impossíveis parecem;

Nas algemas-nascimento agora reluz Imortalidade.

-Sri Chinmoy, My Flute

 

Às vezes uma única linha de poesia lhe traz imensa alegria, que pode durar horas. A poesia pode ser muito sutil, e ela pode ser muito poderosa…. se tivéssemos de dar um veredito, a poesia é para uma classe mais elevada da humanidade. A prosa é para todos, porque deve ser explicada. A prosa não apraz o coração, ela está na mente e no vital. A poesia possui uma abordagem interior, uma abordagem sutil e interior, à realidade interior.

-Sri Chinmoy, His Miracle-Breath, compiled by Vidagdha Bennett

 

 

Ó venha, venha!

O tempo passa rápido.

A cada crepúsculo seguimos

Em direção ao Incognoscível.

-Sri Chinmoy