15 de dezembro: O Coração Unicidade – meditação matinal diária

palavra-do-dia-your-master-sacred-bridge-to-cross-turbulent-river

Todas as estradas levam a algum lugar. Este pode ser o choro-destruição da sua vida ou o sorriso-perfeição do seu coração.

 

Com o nosso ego humano tentamos estabelecer unicidade com os outros. Sentimos que temos mais capacidade do que os outros e, portanto, consideramos nosso direito ter unicidade com eles. Todavia, ao tentar usar o ego como instrumento para estabelecer unicidade, nunca seremos bem sucedidos. A nossa unicidade com os outros depende totalmente do nosso amor pleno de alma. Com a mente racional, nunca poderemos descobrir amor dentro de nós. Com o vital exigente, nunca descobriremos amor dentro de nós. Mas, se usarmos o coração amoroso e preenchedor, a unicidade torna-se uma realidade no nosso dia-a-dia.

 

Todos os dias, colha flores-amor

No seu jardim-coração

E coloque-as no altar-paz

Da sua alma,

Como uma prece para o seu Amado Supremo.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano.