13 de novembro: O Choro-Aspiração – meditação matinal diária

meditacao-guiada-god-wants-my-mind-to-observer-menaka

Chore por dentro poderosamente. Sorria por fora devotadamente.

 

Trazemos gratidão à tona através do nosso constante choro interior. Quando precisamos desesperadamente de nome, fama, capacidade exterior, prosperidade e assim por diante, choramos exteriormente. Mas, quando choramos interiormente, temos de sentir que choramos apenas para agradar e satisfazer a Deus à Sua própria maneira. O choro exterior é para a nossa própria satisfação, à nossa própria maneira. O choro interior é pela satisfação-Deus, à maneira própria de Deus. Se existe um choro interno constante, isso significa que tentamos agradar a Deus, satisfazer a Deus e realizá-Lo à Sua própria maneira. Se pudermos chorar interiormente, em silêncio, então a nossa gratidão aumentará, porque dentro do choro interior está a morada da gratidão e dentro da morada da gratidão está Deus.

 

Menor do que os menores

Pode ser o templo exterior,

Onde todo dia vou para adorar o meu Senhor.

Mas maior do que os maiores

É o meu templo interior,

Onde todos os dias vou para orar e meditar

Com meu choro-aspiração e sorriso-dedicação,

Para me tornar um outro Deus.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano.