06 de setembro: Oração e Meditação – meditação matinal diária

 

IMG_1072

Nossas lágrimas para Deus são a nossa maior força, para trazer até nós a Sua Proteção invencível.

 

Oração e meditação devem caminhar juntas. Quando oramos, pedimos a Deus que seja responsável por nós, e quando meditamos, conscientemente aceitamos a responsabilidade por Deus. Quando oramos, oferecemos a Deus as nossas responsabilidades: entregamos a nossa desamparada, desesperançada e inútil existência a Deus. Quando meditamos, tornamo-nos como leões: tornamo-nos divinos, devotados instrumentos de Deus. Nesse momento tomamos para nós mesmos as responsabilidades de Deus. Num momento entregamos a nossa existência para Deus porque estamos desamparados, no próximo momento perguntamos a Deus se podemos fazer algo por Ele. A oração leva-nos a Deus e Deus nos completa; a meditação traz Deus até nós, e então O completamos: ambas devem seguir juntas.

 

A oração galgante da sua mente

E a fulgurante meditação do seu coração

Podem facilmente salvá-lo.

A sua mente não necessita permanecer

Para sempre paralisada

Pela desamparada desesperança.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano.