Meditação guiada diária: Simplicidade, Sinceridade, Humildade, Pureza e Divindade

por Sri Chinmoy

Meditação guiada extraída do livro 222 Técnicas de Meditação, de Sri Chinmoy.

Veja mais meditações guiadas diárias.

 

Simplicidade, Sinceridade, Pureza e Certeza

 

Em silêncio repita a palavra ‘simplicidade’ sete vezes dentro da sua mente, dentro da sua cabeça.

Agora delicadamente repita ‘sinceridade’ sete vezes dentro do coração, em silêncio, devotadamente. Concentrando-se no coração, por favor, repita a palavra ‘sinceridade’, silenciosamente, sete vezes.

Agora repita a palavra ‘pureza’ sete vezes em silêncio, muito devotadamente, dentro do centro do umbigo ou ao redor da região do umbigo.

Depois medite no terceiro olho na testa, entre e um pouco acima das sobrancelhas. Repita a palavra ‘certeza’ ali, sete vezes, em silêncio.

 

 

Simplicidade, Sinceridade, Pureza e Certeza com gestuais

 

Ponha a mão no topo de sua cabeça [no chakra da coroa] e diga apenas três vezes: “Eu sou simples, eu sou simples, eu sou simples.”

Depois, por favor, coloque sua mão no seu coração e diga três vezes: “Eu sou sincero(a), eu sou sincero(a), eu sou sincero(a).”

Agora ponha a mão no seu umbigo e simplesmente diga três vezes: “Eu sou puro(a), eu sou puro(a), eu sou puro(a).”

Depois, por favor, coloque sua mão no terceiro olho (usando o terceiro dedo da a mão direita) e apenas diga três vezes: “Eu tenho certeza, eu tenho certeza, eu tenho certeza.”

 

Sri Chinmoy deu essas duas séries anteriores, uma após a outra, como parte da mesma sessão de meditação.

 

 

 

Simplicidade, Sinceridade, Humildade, Pureza e Divindade

 

Sri Chinmoy deu uma flor para cada pessoa presente durante uma meditação e, então, pediu aos participantes para meditar na flor, enquanto ele deu a seguinte instrução:

 

A flor significa beleza. Beleza é simplicidade. Beleza é sinceridade. Beleza é humildade. Beleza é pureza. Beleza é divindade.

 

Simplicidade | Simplicidade é a alma, e a alma é o representante direto de Deus. Então por alguns minutos, vamos sentir que não temos um corpo, um vital, uma mente ou mesmo um coração. Por favor, tente sentir que você se tornou a alma. Não dê uma forma a essa ideia. Apenas repita em silêncio: ‘alma, alma, alma’ e sinta que você se tornou um representante consciente e direto de Deus.

 

Sinceridade | No mundo exterior, falar a verdade é a mais elevada forma de sinceridade. No mundo interior, a sinceridade está vendo a Verdade através do Olho de Deus. Vamos sentir que nostornamos a sinceridade interior e que estamos vendo tudo através da Visão de Deus. Vamos nos tornar a sinceridade interior.

 

Humildade | No mundo interior, a humildade sempre nos lembra o que nós fomos anteriormente, o que somos agora e no que vamos nos tornar. É por causa da nossa humildade que aceitamos a vida espiritual.

É a humildade que cultiva dentro de nós a avidez por conhecermos e nos tornarmos em realidades mais elevadas. Tudo está dentro de nós. Mas, apenas porque somos humildes, as realidades mais elevadas têm a oportunidade de se satisfazer através de nós.

Vamos meditar na nossa sincera humildade interior por alguns minutos.

 

Pureza | Pureza física é limpeza, pureza do vital é um coração aberto e pureza mental é a ausência de pensamentos não divinos e ruins. Pureza interior é o nosso coração-gratidão. É através da gratidão, gratidão constante ao Supremo em nós, que expandimos a nossa consciência e conhecemos a nossa realidade e visão mais elevadas. Se pudermos semear uma semente de gratidão, ela germinará, crescerá e se tornará um arbusto, e depois uma grande árvore. Sob essa grande árvore em nossos corações-gratidão, milhares de buscadores serão capazes de buscar abrigo e se tornarem a divindade. Por alguns minutos, vamos sentir que o que nós somos e eternamente nos tornaremos, não é nada além de um coração-gratidão.

 

Divindade | E, por fim, a flor significa divindade. A vida espiritual é a vida da alma. Temos que nos tornar conscientemente um com nossa alma. Por quê? Porque é somente quando sentimos nossa unicidade com a alma que a verdadeira satisfação pode despertar nas nossas vidas.

Então, vamos meditar na divindade, nossa própria e mais elevada divindade interior.

 

Durante a sua meditação

Desafie a si próprio

A encontrar o seu altíssimo

Mesmo por um fugaz momento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.