11 de fevereiro: A Paz e a Renúncia – meditação matinal diária

a jornada alma meditacoes diarias

Para navegar os mares-perigo da minha vida, convido a minha amiga-paz a ajudar-me no meu barco.

A paz é baseada no amor: amor pela humanidade e amor por Deus. Também, ela é fundada no não-apego. Se não há anseio por ganho, não há medo de perda – e veja, a paz é sua. A paz baseia-se também na renúncia. Não na renúncia às posses terrenas mas, à limitação e à ignorância. A verdadeira paz, é aquela que não é afetada pelos rugidos do mundo exterior ou interior.

 

Se pode amar Deus

E manifestar Deus,

Sempre, à própria maneira Dele,

Então, Ele mesmo, lhe concederá

A sua própria e impenetrável

Armadura-paz-deleite.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.