22 de dezembro: Alimentando a Aspiração – meditação diária matinal

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

As mudanças na nossa vida-aspiração devem ser aceitas tão devotada e alegremente, quanto as inspiradoras e envolventes mudanças nas estações.

Quando a aspiração oscila, encontramos dificuldade em mergulhar fundo no interior. Não queremos meditar e, mesmo se meditamos, a nossa meditação não é boa. O que faremos então? Leremos livros inspiradores escritos por almas Deus-realizadas ou buscadores que procuram por Deus. E deveríamos sentir que o buscador sobre o qual estamos lendo não é outro senão nós mesmos. Cada ideia, cada pensamento ou choro de aspiração do seu coração, deveríamos senti-los como nossos próprios. O autor usou um nome mas é sobre o nosso próprio sentimento que ele escreve, sobre a nossa própria aspiração. Quando lemos os seus escritos devotados, deveríamos sentir que o seu clamor é o nosso clamor. Como ele segue em direção à luz, também nós precisamos de sentir que queremos ir em direção à luz.

O meu coração ganha aspiração,

Somente, quando escolho

A coisa certa para me transformar.

Qual é a coisa certa para me transformar?

Devo transformar-me no mais perfeito Instrumento de Deus.

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano. 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.