4 de Outubro: A Graça Divina – meditação diária matinal

two-miracles-ranjit

O Reino-Graça de Deus é minha única casa. O resto do mundo é só um lugar de parada.

 

A Graça de Deus está sempre presente mas, quantas são as pessoas que a utilizam? A Graça de Deus é como os raios do sol. O sol está sempre lá mas, o que é que nós fazemos? Levantamo-nos tarde. Em vez de nos levantarmos às cinco e meia ou seis horas, levantamos às oito ou nove horas. Então, não obtemos a benção do sol da manhã. E, quando nos levantamos, mantemos todas as portas e janelas fechadas, não permitindo que a luz do sol entre no nosso quarto. Também na vida espiritual, a Graça de Deus baixa, constantemente mas, nós não permitimos que a Graça entre no nosso organismo. Nós mantivemos barreiras entre a Graça de Deus e nossa própria ignorância. Somente, se deixarmos a nossa porta do coração amplamente aberta, a luz de Deus pode entrar na nossa existência.

 

Se tem a capacidade de

Criar as nuvens de problema,

Deus tem a capacidade de

Criar o sol de Graça.

E para quem, senão para si,

Para si somente?

 

Do livro de Sri Chinmoy, A Jornada Alma da Minha Vida – Meditações diárias para inspirar as suas manhãs em todos os dias do ano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.