“Nada sei, salvo o fato da minha ignorância.” – Sócrates

Sócrates, o pai ancestral da filosofia, uma vez disse: “Nada sei, salvo o fato da minha ignorância.” Tenho tentado humilde e devotadamente segui-lo nos seus passos inimitáveis.

Em verdade, quando a nossa humildade se torna seu verdadeiro eu, ela se torna uma veia aberta para as dádivas do Onisciente.

 

____________________

Pérolas de Sabedoria do Ocidente e comentários devotados de Sri Chinmoy, extraídos do livro Pensadores-Filósofos do Ocidente, editora Agbook

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.